NotíciasSão João del-Rei

DOIS BENEFICIADOS POR SAÍDAS TEMPORÁRIAS DE FIM DE ANO DO PRESÍDIO DE SÃO JOÃO DEL-REI CONTINUAM FORAGIDOS

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) divulgou que 24 condenados não retornaram das “saidinhas” do final do ano passado aos presídios. Desse total, dois eram do Presídio Regional do Mambengo, em São João del-Rei. Porém, nesta segunda-feira, 17, quatro homens que compunham a lista foram detidos. A ação foi resultado da atuação conjunta do MPMG, polícias Civil, Federal, Militar, Penal, Rodoviária Federal e Interpol. Mas os dois homens que estavam no Mambengo continuam sendo procurados.

São eles: Wagner Antônio dos Santos, preso pelo crime de estupro, e Wellington da Silva Cabral, preso por tráfico ilícito. A foto dos foragidos pode ser encontrada no site do Ministério Público de Minas Gerais.

Em dezembro do ano passado, 3.760 saídas temporárias foram concedidas em Minas Gerais. Desse total, 142 detentos não retornaram às unidades prisionais no prazo fixado pelo Poder Judiciário.

Em maio, o Congresso rejeitou o veto do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva e manteve proibida as “saidinhas” de presos do regime semiaberto para visitas familiares. Desta forma, os detentos poderão sair apenas para estudar em curso supletivo profissionalizante, ensino médio ou superior, na comarca do Juízo da Execução.

Com informações do Ministério Público de Minas Gerais e Agência Câmara de Notícias.

Qual a sua reação?

Animado(a)
0
Feliz
0
Apaixonado(a)
0
Não tenho certeza
0
Bobo(a)
0

Deixe o seu comentário

Mais em:Notícias