NotíciasSão João del-Rei

GREVE NA UFSJ PERMANECE E MOVIMENTOS PROTESTAM NO CAMPUS SANTO ANTÔNIO

Na manhã desta terça-feira, dia 11, os portões da UFSJ – Campus Santo Antônio estavam fechados com faixas grevistas. A manifestação, que parte do movimento grevista dos técnicos da instituição, protestam pela reestruturação da carreira, recomposição salarial e orçamentária das universidades.

Ontem, segunda-feira, dia 10, o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu com reitores das universidades e institutos federais. O ministro da Educação, Camilo Santana, informou que serão R$ 5,5 bilhões em investimento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para universidades e hospitais universitários.

Além dos R$ 5,5 bilhões, Camilo anunciou o acréscimo de R$ 400 milhões para custeio de universidades (R$ 279,2 milhões) e institutos federais (R$ 120,7 milhões). O ministério disse que o orçamento das universidades, em 2024, após a recomposição, será de R$ 6,38 bilhões. Nos institutos federais, o orçamento ficará em R$ 2,72 bilhões.

O governo assinou um acordo com a Federação de Sindicatos de Professores e Professoras de Instituições Federais de Ensino Superior e de Ensino Básico Técnico e Tecnológico (Proifes-Federação). A proposta, contudo, não foi aceita pelo Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes) e pelo Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica (Sinasefe).

Segundo a assessoria do Sindicato de Docentes da UFSJ (ADUFSJ-SSind), a greve continua na instituição. Uma nova rodada de debates com o Governo Federal será realizada nesta sexta-feira, dia 14. No mesmo dia, haverá uma manifestação em Brasília, e representantes do Comando Local de Greve da UFSJ estarão presentes, conforme afirmado pelo ADUFSJ.

Qual a sua reação?

Animado(a)
0
Feliz
0
Apaixonado(a)
0
Não tenho certeza
0
Bobo(a)
0

Deixe o seu comentário

Mais em:Notícias