NotíciasSaúde

POSTOS DE SAÚDE REALIZAM 2º ETAPA DA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA GRIPE E SARAMPO

FOTO: Agência Brasil

Começou esta semana, a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe e Sarampo. Nesta nova fase, os pontos de vacinação estarão abertos para receber crianças com idades entre 6 meses e menores de 5 anos e o público de outros grupos prioritários.

Além da população infantil, gestantes e puérperas, povos indígenas, professores da rede ensino pública e privada, pessoas com comorbidades e outros públicos também devem se vacinar contra a gripe. Os idosos e trabalhadores de saúde que não se vacinaram na primeira etapa da mobilização serão atendidos na segunda fase.

Vale lembrar que as crianças precisam receber, além da vacina contra a Influenza, o imunizante contra o Sarampo. Não há necessidade de cumprir intervalo para a aplicação das doses. Dessa forma, as duas vacinas poderão ser administradas no mesmo dia. Desde a primeira etapa, os profissionais de saúde também podem atualizar a carteira de vacinação com vacina tríplice viral. A campanha vai até o dia 3 de junho em todo o País.

A orientação do Ministério da Saúde é que o público de todos os grupos prioritários busque os postos de vacinação para que o Brasil tenha alta cobertura vacinal. O objetivo da campanha é interromper a circulação do sarampo e prevenir o surgimento de complicações decorrentes da gripe, evitando novos óbitos e possível pressão sobre o sistema de saúde.

Confira os grupos que serão atendidos:

2ª etapa – de 02/05 a 03/06

  • Crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias) – sarampo e influenza;
  • Gestantes e puérperas;
  • Povos indígenas;
  • Professores;
  • Comorbidades;
  • Pessoas com deficiência permanente;
  • Forças de segurança e salvamento e Forças Armadas;
  • Caminhoneiros e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso;
  • Trabalhadores portuários;
  • Funcionários do sistema prisional;
  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas;
  • População privada de liberdade.

Qual a sua reação?

Animado(a)
0
Feliz
0
Apaixonado(a)
0
Não tenho certeza
0
Bobo(a)
0

Deixe o seu comentário

Mais em:Notícias