EconomiaNotícias

ENTRA EM VIGOR NESTA SEGUNDA-FEIRA O NOVO AUXÍLIO BRASIL

Publicado na edição extra do Diário Oficial da União na ultima sexta feira (5), pelo presidente Jair Bolsonaro, o decreto que reajusta os limites para classificação das famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza e o valor dos benefícios básicos do Programa Bolsa Família.

Os novos valores serão levados em consideração para definição do pagamento do Auxílio Brasil, que vai substituir o Bolsa Família a partir do dia 17 de novembro para cerca de 14,6 milhões de famílias. Todas as pessoas já cadastradas receberão o benefício automaticamente, seguindo o calendário habitual do Bolsa Família. E não há necessidade de recadastramento. O auxilio terá um aumento de 17,84%, e o valor médio do benefício passará para R$ 217,18 mensais.

As alterações pelo decreto são, famílias com renda per capita de até R$ 100 passarão a ser consideradas em situação de extrema pobreza, e aquelas com renda per capita de até R$ 200 passam a ser consideradas em condição de pobreza.  Os benefícios básicos do Bolsa Família para famílias em situação de extrema pobreza passam de R$ 41 para R$ 49 e as parcelas variáveis sobrem de R$ 41 para R$ 49.

Segundo o governo, com a transição dos programas, todos os beneficiários do Bolsa Família receberão os valores reajustados automaticamente. O reajuste dos benefícios básicos será incorporado ao programa em caráter definitivo e não tem relação com o valor mínimo de R$ 400 por família previsto para o Auxílio Brasil em 2022.

Fonte: Agência Brasil

Qual a sua reação?

Animado(a)
0
Feliz
0
Apaixonado(a)
0
Não tenho certeza
0
Bobo(a)
0

Deixe o seu comentário

Mais em:Economia