EconomiaNotícias

SEGURADOS DEVEM SE ATENTAR AOS PRAZOS PARA A PROVA DE VIDA DO INSS

Foto: Banco de Imagens/Divulgação

Mais de 7,3 milhões de segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) precisam fazer a prova de vida até o fim do ano para não ter o pagamento suspenso. A atualização cadastral anual é obrigatória para aposentados, pensionistas e pessoas que recebem benefícios assistenciais há mais de um ano.

O prazo varia conforme o mês em que o recadastramento deveria ter sido feito em 2020. Pelo calendário, quem teria de prestar informações atualizadas em setembro e outubro do ano passado, deve realizar o recadastramento até o fim deste mês.

Em outubro, é a vez dos que deveriam ter atualizado os dados em novembro e dezembro do ano passado. Em novembro, começa a fila dos cadastros vencidos nos dois primeiros meses deste ano. O segurado não é obrigado a esperar até o mês em que o prazo dele acaba.

A não realização da prova de vida não implica em cancelamento imediato do benefício, antes disso há outras duas etapas: bloqueio e suspensão do pagamento. Se após essas duas etapas, o segurado não atualizar os dados, o benefício será cancelado.

O recadastramento é feito no banco onde o segurado recebe o benefício.

Qual a sua reação?

Animado(a)
0
Feliz
0
Apaixonado(a)
0
Não tenho certeza
0
Bobo(a)
0

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em:Economia